Filme sobre Raul Seixas será exibido no 7º Fest Aruanda

Publicado: 2 de dezembro de 2011 em Filmes, Música, Music

Filme sobre Raul Seixas será exibido no 7º Fest Aruanda

quinta-feira 01 dezembro 2011 ás 03:40 pm

Conforme o JORNAL DA PARAÍBA antecipou com exclusividade na edição de domingo passado, o Fest Aruanda do Audiovisual Brasileiro abre sua sétima edição, no próximo dia 9, em João Pessoa, trazendo os atores Antônio e Camila Pitanga para apresentar Eu Receberia as Piores Notícias dos Seus Lindos Lábios (Brasil, 2011) junto com o diretor Beto Brant.

As novidades, porém, não param por aí. O paraibano Walter Carvalho, homenageado em 2009 pelo evento, volta ao Salão Sérgio Bernardes do Hotel Tambaú para a solenidade de encerramento do Aruanda. O festival premia realizações cinematográficas nas categorias de ficção, documentário, experimental e animação.
Este ano, também serão premiados vídeos na categoria micrometragem, fruto de uma parceria com a TV Cabo Branco e o festival. As inscrições dos vídeos de curta duração (de 30 segundos a três minutos) permanecem abertas até a próxima sexta-feira, na sede da Rede Paraíba de Comunicação, em João Pessoa.
FILMANDO RAUL 
Walter Carvalho falou por telefone à reportagem sobre a sua vinda ao Fest Aruanda deste ano para mostrar aos conterrâneos o filme Raul Seixas – O Início, o Fim e o Meio (Brasil, 2011).
O documentário narra a trajetória do ‘maluco beleza’ Raul Seixas (1945-1989) e encerrou em outubro, com sessão de gala no Cine Odeon, na capital carioca, o Festival do Rio.
Walter acabava de voltar de uma longa sessão de filmagens de um outro projeto que ele já engatou: um documentário sobre a carreira do também músico e bastião do movimento armorial Antônio Nóbrega.
“A sessão durou 12 horas, das 9 da noite às 9 da manhã”, contou esgotado. “Esta rotina de cineasta é que é o problema”, disse ainda, espirituoso.
Quanto ao fato de documentar o rock mais ou menos no mesmo período em que o seu irmão, Vladimir Carvalho (de Rock Brasília – Era de Ouro), Walter atribui a uma coincidência: “Foi por acaso.
Vladimir já tinha filmado o Renato (Russo) há muito tempo, e só mais recentemente, quando eu também estava colhendo o material pro meu filme foi que começou a levar o projeto mais a sério. Acabou que, infelizmente, não trocamos nenhuma figurinha.”
Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s